Páginas

quinta-feira, 1 de novembro de 2012

Angústia

 Do latim angustia, “aperto, constricção”, de anguere, “apertar, sufocar”.

Como pode alguém sentir
um amor tão grande, incondicional,
que transborda da alma
e atropela os limites da razão?
Angustia-me o fato
de doar-me além do que deveria
e, ainda assim, menos do que gostaria.
Incomoda-me a ideia de que, talvez,
esse amor nunca seja o suficiente para você
mas, demasiado grande para mim.
Sufoca-me a incerteza,
por te amar demais e, a mim, tão pouco.
Perturba-me um amor que para você,
talvez, não seja nada.

PS: "Although I laugh and I act like a clown,/ Beneath this mask I am wearing a frown,/ My tears are falling like rain from the sky,/ Is it for her or myself that I cry..." (The Beatles).